"Eu, que sempre gostei de sonho,

“Eu, que sempre gostei de sonho, tive que aprender a viver em uma realidade por vezes doída e amarga.”

Clarissa Corrêa