alma-livre-sonhadora:E me perguntaram

alma-livre-sonhadora:

E me perguntaram se meus textos tem uma protagonista principal, se escrevo pra alguém em especial.

Queria poder dizer não, mas sim, houve um tempo que quase tudo aqui era pra ela e por ela. Mas hoje, tenho escrito pra mim e por mim, sigo colocando em palavras aquilo que me toca a alma, aquilo que me fere o peito. São desabafos, reflexões, sentimentos. Escrever se tornou minha válvula de escape, meu vício, meu refúgio. É pra onde eu corro depois de um dia ruim e também onde eu vou nos dias bons. E quanto a minha protagonista, tá em outro lugar sendo protagonista da própria vida.

#a.f.f.